Tenho uma barba bastante falha. Ela cresce até que bem, mas não consegue cobrir minhas bochechas por inteiro. E é culpa minha. O veredito popular é que quanto mais você faz sua barba, maior e mais grossa a próxima será. Aí você vê aqueles casos de pessoas que tem barbas quase que permanentes; o que eu não acho nada legal.

Por isso, fiz uma escolha de vida. Tentaria me barbear o menor número de vezes possível, para que minha barba não crescesse tanto a ponto de eu me odiar, ou ter que me barbear todo dia antes de sair de casa. Isso não é vida.

E, ao escolher viver dessa maneira, acabo ficando por um tempo com uma barba feia. Estava me encarando hoje no espelho e percebi que essas falhas na barba não conferem ao meu rosto um look tão bacana, por mais bonito que eu seja. São tufos que parecem fora de controle, e você não pode ter nada fora de controle em seu rosto, senão o caos se instaura em sua vida. Vai por mim.

Então, para acabar com esse problema que tanto me aflige nos últimos trinta minutos, decidi me barbear todo dia, para eu ficar com o controle total de meu rosto e, em especial, de minhas bochechas. Mas isso vai à contramão da minha escolha prévia de vida, que seguia à risca o veredito popular que concerne o crescimento da barba a partir do constante ato de se barbear. Não sei o que faço.

Anúncios